Crianças são beneficiadas com doação de refeição fortificada


Publicado em : 21/11/2014 | por Carlos Fiel | Agência Comércio | Atualizado em: 02/02/2016


Coordenadores da Pastoral da Criança, da Igreja Católica e representantes da comunidade Pontal da Ilha, no município sergipano de Barra dos Coqueiros, receberam na tarde de hoje, simbolicamente, das mãos do presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, deputado federal Laércio Oliveira, sete toneladas de refeição fortificada, disponibilizadas pela multinacional HP Brasil, ao Programa Mesa Brasil Sesc.

 A solenidade de entrega aconteceu na sede da Fecomércio, à rua Dom José Tomaz, 235, em Aracaju e contou com a participação da diretora regional do Sesc, Excelsa Machado, representantes da Pastoral da Criança, voluntários do Mesa Brasil, colaboradores da entidade e integrantes da comunidade Pontal da Ilha, no município de Barra dos Coqueiros. As refeições, compostas de arroz e leguminosas, visam completar o cardápio de crianças com déficit nutricional.

 O responsável pela indicação para que o Departamento Regional do Sesc de Sergipe recebesse a doação, foi o Sesc de São Paulo, em função do trabalho que já é desenvolvido pelo Mesa Brasil e reconhecido nacionalmente com comunidades vulneráveis. O alimento, posteriormente, será repassado aos coordenadores da Pastoral da Criança de paróquias de seis bairros de Aracaju e de quatro municípios sergipanos.

 Em rápido pronunciamento feito na oportunidade, a vice-coordenadora da Pastoral da Criança, da Arquidiocese de Aracaju, Josefa Salete, falou das dificuldades encontradas pelos voluntários, para atender famílias onde existem crianças com déficit nutricional. “Graças as Deus muitas famílias estão sendo amparadas hoje por esse maravilhoso Programa Mesa Brasil Sesc, que nos dá o suporte necessário para atender essas famílias carentes e necessitadas”, afirmou.

 Encerrando a solenidade, o presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, Laércio Oliveira, disse que “a razão maior desse programa existir, é alcançar as pessoas, principalmente aquelas, que não têm a felicidade de acordar, abrir a porta da sua dispensa e constatar que ali não tem alimento para o seu sustento e da sua família”. “Deve ser muito triste uma cena como essa, mas, a finalidade principal do programa é tão somente no propósito de tentar um dia acabar com isso. Mas, tenham em mente, que isso não será possível sem a participação de vocês, voluntários”, finalizou.

 

image_pdfimage_print
Tags: , , ,
Autor : Carlos Fiel | Agência Comércio
Categorias : Destaques, Notícias