Coordenador da Câmara de TI participa de evento em Brasília e faz relato durante reunião do Fórum Empresarial


Publicado em : 23/05/2018 | por Helmo Góes | Agência Comércio | Atualizado em: 23/05/2018


Roger Barros, coordenador da Câmara Empresarial de Tecnologia e Informação e presidente do Sinformática, ambos ligados à Fecomércio/SE, participou do Movin 2018 (Movimento para Inovação em Comércio & Serviços), evento realizado pela Confederação Nacional do Comércio (CNC) e Sebrae no início deste mês, em Brasília/DF. Roger apresentou os relatos desta viagem na tarde da última terça, 22 de maio, durante o almoço do Fórum Empresarial de Sergipe, evento que reuniu diversos empresários e também contou com a presença do superintendente da Fecomércio/SE, Maurício Oliveira.

Voltado para empreendedores e potenciais empreendedores dos setores de comércio e serviços e representantes sindicais de comércio de bens, serviços e turismo, o Movin 2018 teve por objetivo apresentar as tendências, os conceitos, as oportunidades e as boas práticas dos setores de comércio e serviços na era da economia digital.

“Foi uma experiência excelente. Tivemos a oportunidade de ver e ouvir palestrantes de renome nacional que trouxeram as tendências tanto do varejo online, com plataformas tecnológicas de e-commerce integradas às lojas físicas, e também a parte de modificação de layout das lojas, as tendências e o futuro do varejo. Todo o conhecimento que eu tive a condição de absorver lá pode ser aplicado aqui, em maior ou menor escala. Inclusive tentaremos, via Fecomércio, trazer o Movin para Sergipe, justamente para despertar no nosso varejo o interesse nessas novidades. Foram dois dias muito intensos, que nos trouxeram boas ideias, além da convivência com pessoas de todo o Brasil, trazendo conhecimento e novos projetos para o nosso Estado”, relatou Roger.

No mesmo período, o coordenador visitou a Associação Catarinense de Tecnologia (Acate), e também relatou suas impressões durante a reunião do Fórum Empresarial. A Acate representa o setor tecnológico de Santa Catarina, que tem faturamento estimado de R$ 11,4 bilhões e corresponde a aproximadamente 5% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado. São 2,9 mil empresas de tecnologia, com cerca de com 5,3 mil sócios empreendedores e mais de 47 mil funcionários.

“Tive o prazer de conhecer a Acate, uma associação sem fins lucrativos cuja governança é feita pelas empresas de tecnologia, e que criou um ambiente muito satisfatório para o crescimento do ecossistema digital. Ela também tem uma parceria com o Sebrae, e com empresas privadas que solicitam demandas às startups, que, por sua vez, criam produtos e soluções direcionadas a elas. A Acate criou ambientes de convivência onde cada empresa pode apresentar seu projeto e, de repente, em uma rodada de negócios com investidores interessados, captar recursos para que ela possa crescer e acelerar seu desenvolvimento no mercado”, disse o coordenador.

image_pdfimage_print
Tags: , , , , , ,
Autor : Helmo Góes | Agência Comércio
Categorias : Câmaras Empresariais, Notícias