Fecomércio Sergipe define instalação da Câmara de Seguros

A próxima Câmara Empresarial a ser instalada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio-SE), já está em processo de definições para o seu funcionamento. Para fortalecer e buscar as melhorias para o setor, a Câmara Empresarial de Seguros será instalada pelo presidente da federação, Laércio Oliveira, nos próximos dias.

A reunião entre corretores de seguros, representantes de seguradoras e a Fecomércio foi realizada na quinta-feira (24), onde houve o alinhamento para as ações que serão tomadas pela união dos envolvidos, para o melhoramento do mercado de Seguros em Sergipe. A discussão contou com a presença de representantes das seguradoras Mapfre, Porto Seguro, Bradesco e HDI, além dos representantes do Sindicato dos Corretores de Seguros (Sincor-SE) e do Sindiseg Ba/SE/TO, que definiram os parâmetros de ação da Câmara Empresarial de Seguros.

Para o presidente do Sincor-SE, Erico Melo, a iniciativa da Fecomércio foi muito importante para dar musculatura ao setor de Seguros em Sergipe. Segundo ele, o mercado em Sergipe será fortalecido e ganhará muito com a incisão da Fecomércio na luta pela defesa dos interesses dos corretores e seguradoras em Sergipe.

“O trabalho da Fecomércio em outros setores, com suas Câmaras Empresariais já apresenta grandes resultados positivos para a economia sergipana. A parceria formada pela Fecomércio, com o Sincor e o Sindiseg, vai fortalecer muito o setor no estado. A Fecomércio é a maior entidade sergipana de representatividade junto à Confederação Nacional do Comércio (CNC) e isso nos dá muito mais confiança para defender os interesses do mercado de seguros em Sergipe. O presidente Laércio em nos defendido em nível nacional com o seu mandato e ele é um dos grandes contribuintes para o desenvolvimento do mercado sergipano”, destacou Erico Melo.

O mercado de Seguros em Sergipe é um mercado crescente e tem grande potencial de desenvolvimento. A iniciativa da Fecomércio, mediante orientação do seu presidente, Laércio Oliveira, é de buscar ainda mais o fortalecimento econômico do estado e isso passa pelo setor securitário. Com uma população de mais de 2 milhões de habitantes, o estado tem um grande potencial para ampliar ainda mais o desenvolvimento do setor, que cresceu mais de 40% somente em 2014, segundo informações do Sincor, tendo ainda uma grande parcela da população para trabalhar a ampliação do mercado.

A contratação do seguro garante para o mercado, a devolução dos seus investimentos. Com a atuação da Câmara Empresarial de Seguros, os profissionais corretores de seguros e as seguradoras ganharão ainda mais voz e espaço em Sergipe. A defesa da unidade em favor da expansão do mercado é uma das grandes características da câmara a ser implantada em outubro.

De acordo com o representante da Mapfre seguros, Tennyson Tojal, o comércio é a principal atividade do estado e isso promove a regulação da economia e, consequentemente, do mercado de seguros no estado. Para ele, a Câmara trará visibilidade para o setor em Sergipe.

“Com a atuação da Câmara Empresarial de Seguros, nós teremos mais visibilidade no mercado e o setor de Seguros será ampliado em sua difusão de produtos. A união entre Fecomércio, Sincor e Sindiseg traz muitas boas oportunidades para o mercado. Com isso, nós teremos ainda mais apresentação para a sociedade”, afirmou.

O presidente da Fecomércio, Laércio Oliveira, valorizou a importância do mercado de Seguros no Brasil e destacou que atualmente, o mercado responde por 6% do PIB brasileiro, sendo um dos grandes contribuintes para a economia nacional.

“O mercado de Seguros é um importante setor da economia brasileira. Poucos sabem que os seguros devolvem aos brasileiros, mais de 4 milhões e meio de reais por hora, 24 horas por dia. Somente em Sergipe, o mercado cresceu mais de 200% nos últimos cinco anos. Precisamos fomentar a cultura do seguro, pois ter seguro é garantir proteção para sua vida, para seus familiares e seu patrimônio”, disse o presidente da Fecomércio.

Segundo o coordenador das Câmaras Empresariais da Fecomércio, Gildo Antonio, a instalação da Câmara Empresarial de Seguros será feita pelo presidente Laércio no mês de outubro, onde se começarão as ações alinhadas pelas pautas pertinentes ao setor. A definição para a instalação da câmara, foi definida com representantes da totalidade do mercado em Sergipe, caracterizando a união em torno dos principais objetivos do setor.

copia de IMG_2906

image_pdfimage_print