30% dos brasileiros endividados resolveriam suas dívidas com menos de R$ 500

30% dos brasileiros endividados resolveriam suas dívidas com menos de R$ 500 A plataforma de serviços financeiros Guiabolso divulgou pesquisa na qual revela o perfil do consumidor com nome sujo no Brasil. De acordo com a pesquisa, cerca de 30% dos brasileiros endividados resolveriam suas dívidas com menos de R$ 500,00. Segundo a pesquisa, três em cada 10 pessoas com o nome negativado, poderiam voltar ao azul pagando até R$ 500. Esse é o valor que seria necessário para que grande parte dos ...
More

Aracaju apresenta mais de 130 mil famílias em condição de endividamento

Cartão de crédito e crédito pessoal são os principais vilões das contas de casa   O número de famílias aracajuanas em condição de endividamento, isto é, aquelas que possuem algum compromisso para pagar com prazo corrente, aumentou no segundo mês de 2018, de acordo com a Pesquisa de Endividamento e Intenção de Consumo (PEIC), realizada pela Confederação Nacional do Comércio (CNC), analisada pelo Departamento de Economia da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de ...
More

Cresce o número de empresas negativadas no nordeste em 2017

Um estudo do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em conjunto com a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), revelou que o número de empresas inadimplentes no país creseu 5,35% em 2017. O Indicador de Inadimplência de Pessoas Jurídicas SPC Brasil e CNDL, também mostrou que as empresas da região Sudeste e do segmento de Serviços, lideraram o crescimento do número de devedores. A abrangência dos dados é nacional, com informações de capitais e interior de todos os 26 estados da ...
More

87% dos sergipanos começaram o ano endividados

O ano de 2016 começou com um peso maior no orçamento das famílias sergipanas. De acordo com a Pesquisa de Endividamento, Intenção de Consumo e Confiança do Consumidor, realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio-SE), o número de sergipanos que admitiram estar com dívidas comprometendo o orçamento familiar em 2016, chegou a 87,1%, em janeiro. (mais…)
More
image_pdfimage_print