Inova + Sergipe é apresentado a candidato Valadares Filho

Na manhã desta terça-feira, 28 de agosto, a Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação da Fecomércio apresentou o Inova + Sergipe ao candidato do governo do Estado, Valadares Filho. O deputado federal e parte de sua equipe conheceram o projeto que visa transformar a realidade econômica e social de Sergipe até o ano de 2030, através de quatro eixos de atuação: capacitação, investimento, infraestrutura e colaboração.

O coordenador da Câmara de Tecnologia e Inovação, Roger Barros, destacou a importância da continuidade do projeto independentemente de quem assuma o governo. “Foi uma excelente oportunidade de mostrar ao candidato este projeto que nasceu na Câmara de TI da Fecomércio, mas que hoje é composto por vários atores da sociedade como governo, prefeitura, universidades, empresas, meios de comunicação, bancos, dentre outros. É um projeto que vem para ficar e que tem todos esses atores trabalhando de forma unida para que tenha uma continuidade. Essa é a nossa preocupação. Que tenha dentro de sua liderança o empresariado, que todos esses atores venham somar com o projeto, e que tenhamos esse compromisso do próximo governador em apoiar e incentivar a inovação em Sergipe que é, com certeza, a forma mais eficiente e inteligente de mudar o quadro atual do nosso Estado”, declarou Roger.

Já o candidato Valadares Filho foi receptivo ao Inova + Sergipe e prometeu analisar melhor o projeto, juntamente com sua equipe, para incrementar seu programa de governo com ideias na área da inovação. “É um projeto inovador que, sem dúvidas, vai dar uma contribuição grande em relação ao investimento em tecnologia e à inovação administrativa do Estado que queremos. Eu vim, hoje, muito mais ouvir para colher sugestões e incorporar ao nosso programa de governo. Sergipe é um Estado pequeno, os investimentos aqui têm uma repercussão infinitamente maior, portanto é mais fácil trazer o resultado positivo de um investimento. Então nós vamos pensar em transformar Sergipe em um exemplo de inovação e tecnologia não apenas para o nordeste, mas para o Brasil”, disse.

Inova + Sergipe

O Inova + Sergipe está trabalhando com a formulação de ações para a complexidade que um projeto desta envergadura exige para o início de sua operação. Para os representantes das entidades parceiras do projeto, Sergipe é um Estado que se qualifica como berço histórico de empresários inovadores, compartilhamento de ideias e realização de ações para melhorar o modelo econômico atual, que não comporta mais um mercado sem inovações para manter seu processo constante de competitividade. E com isso, o Inova + Sergipe surge como um mecanismo de desenvolvimento socioeconômico para direcionar esforços no sentido de transformar o cenário atual gerando novas oportunidades, tendo a melhoria da qualidade de vida e geração de empregos e renda para os sergipanos como um de seus objetivos.

O Superintendente da Fecomércio, Maurício Gonçalves, reafirmou o compromisso da entidade com iniciativas inovadoras que estimulem o crescimento econômico sergipano, bem como a geração de emprego e renda para a população, afirmando que a Fecomércio estará perfilada com as entidades parceiras para fortalecer o Inova + Sergipe.

“A Fecomércio traz esse projeto com o comando do setor privado para sua realização. Temos várias ações em Sergipe, quando se trata de tecnologia e inovação. Sergipe é um celeiro de talentos no desenvolvimento de startups e novas tecnologias e nós queremos fazer isso refletir em todo nosso povo, aumentando a geração de oportunidades para as pessoas trabalharem com inovação, o que vai formular as profissões do futuro, garantindo que tenhamos mais igualdade econômica e social para os sergipanos. Se trabalharmos em conjunto, a vida em nosso Estado será melhor para todos”, destacou.

Obs : A apresentação foi solicitada pelo candidato, e a Câmara de Tecnologia e Inovação coloca-se à disposição para os demais candidatos que queiram conhecer o projeto. 

Foto : Assessoria Valadares Filho




Unit sedia encontro do Inova + Sergipe

Com o objetivo de envolver atores, unir esforços e buscar recursos para ampliar o ambiente de inovação tecnológica no estado de Sergipe, a Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação implantou o projeto Inova + Sergipe. Na manhã de quarta-feira (15), a Universidade Tiradentes foi palco de mais um encontro com representantes de empresas envolvidas no projeto.

“O projeto nasceu da ideia de melhorarmos o ambiente de inovação aqui em nosso estado. Juntamos a classe empresarial para ser protagonista dessa ação e criarmos um movimento entre esses atores. Além disso, estamos fazendo um diagnóstico do que precisa ser melhorado e as demandas do setor de inovação”, explica o coordenador do projeto, Roger Barros.

Durante as reuniões itinerantes são discutidos assuntos pertinentes aos andamentos dos projetos, ações do Inova + Sergipe e apresentação das empresas envolvidas.

“Estes encontros em diversos locais acontecem para que todos os envolvidos conheçam os ambientes e estratégias que podem ser somadas e potencializadas. A ideia é de somação desses atores para que possamos avançar e fazer um Sergipe diferente. Nós podemos ser referência no Brasil”, complementa o coordenador.

Para o superintendente da Fecomércio Sergipe, Maurício Gonçalves, a grande diferença do Inova + Sergipe é que o setor privado vem sendo protagonista das ações. “Isso faz muita diferença porque é uma tendência de permanecer mais tempo e realmente ter grandes resultados com a iniciativa. Como diferencial buscamos os exemplos que já são desenvolvidos nas empresas e caminhamos juntos buscando o protagonismo de todos. Trabalhamos para que em cinco anos sejamos uma referência na área de inovação tecnológica, com o objetvo da transformação da economia e mercado de trabalho de Sergipe até 2030. Ganha a sociedade e as instituições”, comenta.

A Universidade Tiradentes é uma das empresas que integram o Inova + Sergipe. Com diversas iniciativas que promovem a inovação tecnológica, como o é caso do pioneirismo com a implementação do Google for Education, a instituição de ensino investe em pesquisa e na formação de futuros profissionais. 

“A inovação é um grande desafio de nosso país. O Grupo Tiradentes pauta a questão da ciência e tecnologia como um ponto fundamental de melhoria da qualidade do modelo de educação das instituições de ensino. O Grupo tem um viés fortíssimo na questão de inovação não somente nos projetos pedagógicos como também na inserção de profissionais no mercado de trabalho com pensamento crítico capaz de transformar o cotidiano de trabalho das empresas que estarão inseridos”, enfatiza o superintendente-geral em exercício, professor Dr. Saumíneo Nascimento.

Na oportunidade, o diretor de Inteligência Competitiva do Grupo Tiradentes, professor Domingos Sávio Alcântara apresentou as iniciativas das unidades e o superintendente do Banco do Nordeste, Antônio César de Santana abordou as linhas de Financiamento da instituição financeira para a área de inovação.

 

 

*Ascom Unit