Sincadise adere a rede de combate à fome Mesa Brasil Sesc

Com o objetivo de enfrentar a condição de subnutrição,
insegurança alimentar e situação de fome das famílias menos favorecidas de
Sergipe, na quinta-feira (07), o Sistema Fecomércio/Sesc/Senac firmou uma
importante parceria com o Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor do
Estado de Sergipe (Sincadise), para a destinação de alimentos para o programa
Mesa Brasil Sesc, maior rede de distribuição de alimentos do estado, promovida
pelos empresários do comércio sergipano.

O convênio foi assinado pelo presidente do Sistema
Fecomércio, Laércio Oliveira, e pelo presidente do Sincadise, Breno França. O
documento especifica que as empresas do comércio atacadista e distribuidor do
estado que tiverem estoque de produtos em condições de consumo e que poderiam
ser descartados por ausência de compra, serão doados para o Mesa Brasil Sesc,
que destinará para 277 instituições beneficentes, além de famílias em condição
de extrema pobreza em 53 municípios sergipanos, beneficiando mais de 60 mil
famílias em todo o estado.

O presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, Laércio
Oliveira, valorizou a parceria firmada com o sindicato e as empresas do setor,
destacando que a meta deste ano é ultrapassar o volume de um milhão de quilos
de alimentos distribuídos.

“Estamos firmando um convênio muito importante para nossa
ação social. O Mesa Brasil Sesc é um programa que recebe de quem tem muito para
dar a quem nada tem. O produto com valor alimentício preservado ajuda muita
gente que não tem o que comer na sua mesa, em sua casa. A pobreza extrema está
muito perto de nós, e ações como essa ajudam a dar mais dignidade para as
pessoas, para as famílias. Fico muito agradecido aos empresários por se doarem
nessa parceria que faz justiça social com os menos favorecidos”, disse Laércio.

Para Breno França, presidente do Sincadise, a assinatura do
compromisso ratifica a posição de responsabilidade social dos empresários do
comércio atacadista e distribuidor, com as pessoas que enfrentam o problema da
fome em Sergipe.

“Hoje vivemos um momento importante para as empresas do
comércio atacadista e distribuidor sergipano. Se as empresas têm produtos que
seriam descartados já comprados, melhor que os levemos para que Sistema
Fecomércio, através do Mesa Brasil Sesc, distribua para as pessoas menos
afortunadas. O problema da fome é algo relevante na nossa sociedade, mas muita
gente fecha os olhos. Os empresários do comércio atacadista e distribuidor
agora irão se engajar na luta pelo combate à fome, através da eficácia do Mesa
Brasil Sesc em distribuir os alimentos”, disse Breno França.

Além de Laércio Oliveira e Breno França, o convênio também
teve como signatário, o presidente da Fecomércio Alagoas, Wilton Malta, que
assinou o convênio como testemunha da parceria. A assinatura foi feita durante
a Assembleia Ordinária do Sincadise, diante de mais de 80 empresários do setor,
que se comprometeram a engajar-se no movimento de arrecadação de alimentos.