Projetos inovadores são apresentados na Fecomércio

image_pdfimage_print

Três projetos inovadores de avanço tecnológico foram apresentados na reunião da Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação da Fecomércio Sergipe, na terça-feira (12). Entre eles, o projeto de aeromodelismo desenvolvido por alunos do curso de Engenharia Mecânica da Universidade Federal de Sergipe. Foi apresentado um aeromodelo desenvolvido pelos estudantes. O projeto Araras, que está em seu terceiro ano, premiado nacionalmente pelos trabalhos em aerodesign, permite a troca de experiências entre alunos da UFS e de outras universidades, com transferência de tecnologia e conhecimento.

Também foi feita a apresentação do Innovacura, uma startup na área de biotecnologia, desenvolvida pelo sergipano José Rabelo, baseado no estado de Santa Catarina, com aceleração na Holanda e que atua mundialmente. O projeto trabalha na área de prestação de serviços de saúde, dando mais agilidade a vários processos das atividades do setor, otimizando tempo e qualidade no desenvolvimento de materiais inovadores para a regeneração óssea, criando novos produtos para a indústria de saúde e melhorando a qualidade de vida da população assistida.

Um método de aumento na frequência de clientes em estabelecimentos comerciais também foi apresentado na Câmara de TI da Fecomércio. O aplicativo Convide e Ganhe, desenvolvido em Sergipe, foi mostrado para os participantes da reunião pelos seus desenvolvedores. O aplicativo consiste em aumentar a frequência de bares, restaurantes, lojas do comércio varejista por meio de confirmações de presença dos usuários, através dos famosos check-ins, conhecidos nas redes sociais. Quanto mais check-ins nos locais participantes, os clientes que convidam os amigos a consumirem nas lojas, conseguem maiores descontos para suas compras. A sistemática é direcionada para a pessoa que convida e o convidado terem melhores ofertas nas suas compras, aumentando as vendas do comércio e as oportunidades de compras para o público.

O coordenador da Câmara de TI, Roger Barros, destacou que o estado está com uma grande amplitude de desenvolvimento tecnológico. “Sergipe tem uma grande capacidade inventiva e produtiva, quando se trata de tecnologia e inovação. O setor tem melhorado cada vez mais com a alta capacidade profissional e evolui constantemente com o apoio de entidades como a Fecomércio, que fomentam a dinâmica do desenvolvimento das nossas atividades em Sergipe, como entidade representativa de classe do setor”, disse.

Além das apresentações das inovações, a economista da Federação do Comércio, Sudanês Pereira, fez uma explanação sobre os números do mercado de TI no estado, com indicadores de investimentos realizados nas áreas de ciência, tecnologia e inovação em Sergipe.

Participaram da reunião o superintendente da Fecomércio, Maurício Gonçalves, o secretário municipal de Indústria Comércio e Turismo, Jorge Santana, os representantes da Universidade Tiradentes, Marcos Wandir Lobão e Domingos Machado, o representante da Fies, Rodrigo Rocha, o diretor regional do Senac, Paulo do Eirado, as representantes do Sebrae, Cora Carvalho e Lara Andrade, o representante do SergipeTec, Diego da Costa, além de empresários e membros do Caju Valley.

Foto Andrey Wallace

image_pdfimage_print