Inova + Sergipe quer transformar realidade econômica do estado

image_pdfimage_print

Transformar a realidade da economia de Sergipe, aumentando a competitividade do estado, gerando emprego e renda para a população, por meio do desenvolvimento tecnológico no estado. Esse é o objetivo do projeto Inova + Sergipe, desenvolvido pela Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação da Fecomércio, em parceria com diversos agentes do setor produtivo sergipano.

Foi realizada na quarta-feira (20), mais uma reunião entre os participantes do projeto, para o alinhamento de ações dos eixos táticos definidos para o desenvolvimento do Inova + Sergipe. Os eixos de Conhecimento e Talentos, Capital e Atração de Investimentos, Infraestrutura e Redes e Colaboração foram delineados e seus representantes elencados para a atuação na iniciativa que até o ano de 2030, quer promover uma grande transformação social e econômica no estado.

O coordenador da Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação, e idealizador do projeto Inova + Sergipe, Roger Barros, destacou a importância do projeto e o que deseja realizar para o estado nos planos a longo prazo.

“A Câmara de Tecnologia e Inovação da Fecomércio formou um grupo com pessoas e entidades, que se juntaram para contribuir com a inovação em nosso estado. Sergipe é um estado muito carente e precisa melhorar seus indicadores de desenvolvimento, melhorar o ambiente de inovação e criatividade. Estamos juntos nesse projeto para contribuir com inovações na área de educação, captação de investimentos e criação de oportunidades que estimulem a geração de emprego e renda para os sergipanos. Até 2030, queremos transformar a realidade da economia sergipana para melhor. Queremos Sergipe como referência para o Brasil e todo o mundo”, disse Barros.

Paulo do Eirado, diretor do departamento regional do Senac, valorizou a iniciativa de realização do Inova + Sergipe e lembrou o quanto fazer um projeto dessa monta é importante para o crescimento sergipano. Além disso, colocou o Senac como agente fomentador da economia criativa e do processo de desenvolvimento tecnológico de Sergipe.

“Aonde tiver inovação, estaremos seguindo uma grande tendência da economia mais robusta que existe no mundo. E Sergipe não pode ficar de fora. Nesse caminho, o Senac é um ator preponderante porque é qualificação profissional, cultura empresarial, desenvolvimento do espírito empreendedor dos sergipanos. É importante que se entenda que a inovação é um caminho de solução econômica para o futuro”, comentou.

O Superintendente da Fecomércio, Maurício Gonçalves, reafirmou o compromisso da Fecomércio com iniciativas inovadoras que estimulem o crescimento econômico sergipano, bem como a geração de emprego e renda para a população, afirmando que a Fecomércio estará perfilada com as entidades parceiras para fortalecer o Inova + Sergipe.

“A Fecomércio traz esse projeto com o comando do setor privado para sua realização. Temos várias ações em Sergipe, quando se trata de tecnologia e inovação. Sergipe é um celeiro de talentos no desenvolvimento de startups e novas tecnologias e nós queremos fazer isso refletir em todo nosso povo, aumentando a geração de oportunidades para as pessoas trabalharem com inovação, o que vai formular as profissões do futuro, garantindo que tenhamos mais igualdade econômica e social para os sergipanos. Se trabalharmos em conjunto, a vida em nosso estado será melhor para todos”, destacou.

 

Câmara Empresarial de Tecnologia e Inovação

image_pdfimage_print