Wilton Malta visita a Fecomércio de Sergipe

O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio), Abel Gomes da Rocha Filho, recebeu no dia 9 de outubro, a visita do seu colega da congênere alagoana, Wilton Malta, que veio a Aracaju, a fim de convidá-lo a participar no dia 22 de novembro, em Maceió, de uma vasta programação festiva elaborada para comemorar os 65 anos do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Alagoas. Na oportunidade, os dois presidentes conversaram demoradamente sobre diversos assuntos administrativos e de interesse das duas entidades, principalmente os ligados ao setor terciário e à crise financeira que afeta o comércio de todo o país.

iltonmalta2

 Durante a conversa, Wilton Malta informou que está criando no município alagoano de Arapiraca, onde também é presidente do Sindicato do Comércio Varejista local (Sindlojas Arapiraca), uma Cooperativa de Crédito, integrada ao Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob). “Essa cooperativa terá por finalidade agregar valores, principalmente para o lado empresarial, porque hoje a categoria está muito dispersa, com cada empresário trabalhando com uma instituição financeira”, disse, acrescentando que o projeto inicial já agrega 104 cooperados. “Inicialmente, o capital social da cooperativa será de um milhão de reais e atenderá cooperados de 20 municípios da região metropolitana do agreste alagoano”, ressaltou.

 “Como não tenho conhecimento da existência em Sergipe de nenhuma cooperativa de crédito desse tipo, para atendimento específico a empresários, estou lançando esse desafio para o Abel. Como presidente do Sindicato do Comércio Varejista ou da Federação do Comércio, ele pode fazer convite direto aos comerciantes, para formação de um grupo e daí, se unirem a fim de criar uma cooperativa de crédito, quer seja em Aracaju ou em outro município do interior sergipano, que tenha suporte suficiente para abrigar essa entidade”. A afirmação é de Wilton Malta, revelando que todos os serviços prestados hoje por uma instituição financeira do tipo Banco do Brasil, Caixa Econômica, Bradesco, Itaú, etc, a exemplo de seguros, cartões de crédito, capital de giro e os mais variados tipos de linhas de crédito, a cooperativa também fará.

 Abel Gomes agradeceu a lembrança e ficou de estudar a sugestão juntamente com a diretoria da Federação do Comércio, para ver a viabilidade para criação de uma cooperativa de crédito, a fim de atender especificamente empresários, no Estado de Sergipe. “A apresentação feita por Wilton Malta sobre o assunto foi excelente. Vou conversar com alguns integrantes da nossa diretoria, para ver o que é que eles acham e a depender do resultado da conversa, vou procurar alguns empresários, para explicar os objetivos da cooperativa e ver se eles compram a ideia. Sabemos que o Sicoob é um sistema bastante positivo e sólido, regulamentado pelas determinações do Banco Central do Brasil”, pontuou.