Sergipe desenvolve nova rede legislativa da CNC


Publicado em : 10/07/2015 | por Marcio Rocha | Agência Comércio | Atualizado em: 02/02/2016


Sergipe se insere dentro do contexto nacional das Assessorias Legislativas do Sistema Comércio. A Rede Nacional de Assessorias Legislativas (Renalegis), foi apresentada em sua nova formulação para a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio-SE), ao longo da última semana. As reuniões dos representantes da Confederação Nacional do Comércio (CNC), com os representantes da rede no estado e a diretoria da Fecomércio Sergipe aconteceu na sexta-feira (03), com as presençaas de Reiner Leite e Felipe Oliveira, responsáveis pelo sistema em nível nacional.

A Renalegis é um canal importante, desenvolvido pela CNC para fortalecer a rede de integração entre as federações e a confederação, com os poderes legislativos da União, Estados e Municípios, com a finalidade de ampliar as ações do Sistema Comércio no Congresso, Câmaras Municipais e Assembleias Legislativas, para contribuições nas políticas públicas e estratégias de ações que possam beneficiar as entidades participantes, sindicatos e federações. O encontro em Sergipe, contou com a participação do presidente da Fecomércio, Laércio Oliveira, e dos assessores componentes da equipe da federação local. Laércio destacou a credibilidade da Renalegis, em sua nova fase, como o marco forte da solidez das ações da rede no Brasil.

Felipe
Felipe Oliveira – CNC
Reiner
Reiner Leite – CNC

“A Renalegis é o mecanismo mais fluente para que possamos buscar defender os interesses do sistema, das federações e sindicatos que fazem parte desse grande trabalho que é comandando pela CNC. Defender e representar o setor terciário, com a Renalegis, nos dá mais força, devido à credibilidade do sistema. Tenho recebido muito apoio em meu mandato de deputado federal e acredito na iniciativa. A Renalegis é um mecanismo de fundamental importância para o fortalecimento do empresariado brasileiro”, disse Laércio.

Reiner Leite, representante da Renalegis, valorizou a iniciativa da rede em sua nova fase e destacou o pioneirismo de Sergipe em aplicar o desenvolvimento da nova configuração apresentada pela CNC. “A Renalegis deixou de ser um fórum de debates temáticos e incorporou três processos: pessoas, processos e tecnologia da informação, com o objetivo de termos mais sinergia na defesa dos interesses do sistema CNC- Sesc-Senac em todo o Brasil. Federações, estados e seus sindicatos. Agimos como indutor de políticas públicas, no sentido de adequar as normas desenvolvidas no parlamento em consonância com os anseios do Sistema Comércio”, destacou.

Em Sergipe, a implantação da nova Renalegis é um ato pioneiro. A importância da iniciativa é muito grande para o Brasil, pois o estado desenvolverá as experiências para apresentar em todo o país, como o modelo de gestão e aplicação do sistema para as representações nacionais. De Sergipe, sairá o trabalho a ser desenvolvido pelas outras federações. Acompanhar o Poder Legislativo é uma ação importante para as federações componentes do Sistema Comércio. Segundo Reiner, participar da formatação das diretrizes e políticas desenvolvidas para o setor terciário no Brasil é fortalecer o trabalho empresarial coletivo por meio das federações e sindicatos. “Com as ações da Renalegis em acompanhar os Poderes Legislativos, poderemos adequá-las aos legítimos interesses dos membros do sistema. A participação da rede é garantir a interferência positiva na concepção normativa dos estados, municípios e congresso nacional”, finalizou Reiner Leite.

Por Marcio Rocha
image_pdfimage_print
Tags: , , , , ,
Autor : Marcio Rocha | Agência Comércio
Categorias : Câmaras Empresariais, Destaques, Notícias