Senac Bistrô Cacique-Chá é inaugurado


Publicado em : 21/03/2015 | por Marcio Rocha | Agência Comércio | Atualizado em: 02/02/2016


cacique_dest

O Senac Bistrô Cacique Chá foi inaugurado na tarde de ontem(17 de março),como um presente para Aracaju nos seus 160 anos. Diversas autoridades políticas e personalidades da cultura e arte sergipana prestigiaram o evento. Foi um final de tarde memorável, repleto de lembranças para os mais idosos e, cheio de expectativa e curiosidade, para os mais novos.

Durante a inauguração os diálogos nos grupos eram os mais variados, desde as lembranças do início do Cacique Chá até os encontros já marcados para um cafezinho e um bom papo no Senac Bistrô Cacique Chá.

Na abertura do evento o Presidente do Sistema Fecomércio Sesc/Senac, Laércio Oliveira falou da importância da inauguração. “Posso dizer sem medo de errar que este momento tem um caráter único. Em minha vida, nunca testemunhei um momento de resgate tão significativo, a unir história, arte, cultura, entretenimento, gastronomia e capacitação profissional, como o que presenciamos aqui neste momento. Tenho certeza que muitos de vocês ao pisarem neste local estão revivendo lembranças e emoções. “A gente se encontra no Cacique Chá”, essa era a frase mais ouvida nos anos 60, 70 e 80. Assim, por concentrar a nata da sociedade de Aracaju, o Cacique Chá foi cenário de vários debates contemporâneos. Em suas mesas, muitos dos pensadores de Sergipe idealizaram e realizaram transformações do universo político, social e cultural de Sergipe, algumas das quais permanecem até hoje. Agora, essa característica singular do Cacique renasce, e o faz com a glória merecida, transposto o período de abandono, que a todos entristecia. Após ser reformada pelo Governo de Sergipe, esta casa abre mais uma vez suas portas. A partir de agora, nesse cenário tão especial, mais uma unidade do Senac vai capacitar os alunos dos cursos de gastronomia e turismo. A excelência da obra de Jenner Augusto, une-se a excelência do padrão Senac de ensino”.

Logo após o pronunciamento do presidente da Fecomércio falou o Prefeito de Aracaju, João Alves Filho. “Eu me congratulo mais uma vez com o sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Sergipe. E agora com um sergipano como o vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio, o deputado Laércio Oliveira,  tenho certeza que ele como presidente, vai trazer vários outros benefícios. A cabeça dele fervilha de ideias e eu fiquei muito feliz. Essa obra tem um significado muito grande, pois aqui era o centro de encontro dos políticos, intelectuais e dos boêmios aqui de Sergipe. Eu me lembro bem da figura do dono, o famoso Freitas, sempre com um sorriso largo, sempre alegre. Aqui era o centro dos encontros de Aracaju, era uma referência”.

O Govenador do Estado de Sergipe, Jackson Barreto destacou a importância da parceira entre o poder público e o privado. “A parceira entre o Governo do Estado e a Fecomércio é um sucesso. O governo está muito feliz, porque reabriu o Cacique Chá, uma parte da história e da memória de Aracaju. Essa casa até os anos 80 foi marcada pela boemia de Aracaju. Agora com essa parceria com o Senac, será uma escola de gastronomia e de turismo. Você tem a oportunidade de manter viva a obra de Jenner Augusto, que sem dúvida foi um grande artista de nossa história contemporânea, a galeria de arte aqui sob a curadoria de Mário Britto. O melhor presente que Aracaju poderia receber do Senac, da Fecomércio e do Governo do Estado.

O bistrô funciona a partir de hoje, 18 de março, das 9h às 19h, como uma unidade pedagógica, na qual alunos das áreas de Turismo, Hospitalidade e Lazer vão desenvolver suas competências e suas práticas em um ambiente agradável de gastronomia e arte.

Os aracajuanos já podem apreciar uma gastronomia com iguarias que foram consumidas desde o início do restaurante, como o Cachorro-quente do “Seu João do Parque”; a Vaca Atolada de Jenner Augusto; Cozido Sergipano e também iguarias contemporâneas como Tagliata de legumes, salmão e hortelã; Ravióli de carneiro e sálvia; além de sanduíches e uma confeitaria de doces e salgados.

Para Paulo do Eirado, Diretor Regional do Senac, a inauguração foi um marco na história de Sergipe: “Estamos realizados com a abertura do Senac Bistrô Cacique Chá, pois estamos devolvendo à sociedade o famoso restaurante, e também um belíssimo Memorial com a história de Jenner Augusto. É um sonho do povo sergipano realizado, após tanto tempo fechado. O Senac assume com o objetivo de fazer do local um espaço pedagógico e também cultural. Nossos alunos terão mais um espaço para sua qualificação profissional”.

Sob a curadoria de Mário Brito os sergipanos e turistas podem visitar o Memorial Jenner Augusto, e conhecer diversas obras do artista que estão colocadas em exposição.

Guel Silveira, filho do artista Jenner Augusto, destacou a alegria de sua família em poder participar desse grandioso evento: “Falo em nome de minha família com muita satisfação. Nossa volta aqui é uma volta normal, sendo colorida e muito cheia de alegria. É uma alegria imensa, é uma obra do povo de Aracaju que tenho sentido um carinho, um respeito muito grande com meu pai, com minha mãe também homenageada, que vocês tem dado com o carinho e admiração às obras de meu pai”.

Enfim, o Senac Bistrô Cacique Chá é uma realidade e está aberto para todos que desejarem conhecer um pouco da arte de Jenner Augusto, além de saborear as delícias da gastronomia com seus diversos sabores e inigualável hospitalidade Sergipana.

image_pdfimage_print
Tags: , , , , ,
Autor : Marcio Rocha | Agência Comércio
Categorias : Destaques, Notícias