Quando a Luz Apaga


Publicado em : 12/11/2012 | por Carlos Fiel | Agência Comércio | Atualizado em: 02/02/2016


Espetáculo sergipano abriu a Mostra Sesc de Artes Cênicas.

O Teatro Atheneu foi palco do lançamento da Mostra Sesc de Artes Cênicas 2012, que aconteceu na noite do dia 13 de outubro. O evento reuniu espetáculos de teatro, dança, circo, música e artes visuais até o dia 26 do mesmo mês, com apresentações gratuitas em diversos pontos culturais da cidade. A mostra trouxe quatro grupos do Palco Giratório (Paraná, Pernambuco, São Paulo e Santa Catarina), Maranhão, Alagoas e demais companhias da capital e interior do Estado.
A Cia. Contempodança abriu a programação da mostra com o espetáculo “Quando a Luz Apaga”, um trabalho que rompe a estética linear, dando espaço para que a plateia vivencie uma experiência surpreendente a partir do surgimento de seres fantásticos com expressões e recortes transmutados da realidade.
Objetivando ampliar ainda mais a mostra, o Sesc incluiu na sua programação os espetáculos do Palco Giratório – projeto que promove a circulação nacional de espetáculos, criado pela instituição em 1998, a fim de proporcionar o intercâmbio de grupos de diversos Estados do país. “A ideia inicial foi difundir as artes cênicas e facilitar o acesso às comunidades mais distantes dos grandes centros e menos favorecidas culturalmente”, disse o curador da Mostra Sesc, André Santana.
De acordo com a diretora regional do Sesc, Excelsa Machado, a mostra trouxe para a família comerciária uma ação propositiva e transformadora do cotidiano, promovendo uma intensa troca de experiências e ampliando o acesso à produção artística. “Este ano, além de Aracaju, as cidades de São Cristóvão, Barra dos Coqueiros, Tobias Barreto e Nossa Senhora do Socorro também entraram no circuito cultural. A Mostra Sesc de Artes Cênicas também contemplou o público e artistas com ações complementares como oficinas e conversas após as apresentações, com o intuito de ampliar os sentidos dos espectadores, dando mais um passo decisivo para a formação de plateias”, afirmou.

Grupo Imbuaça. Foto Maria Odília
Um principe chamado Exupery – Foto Maria Odília
image_pdfimage_print
Tags: , , , , ,
Autor : Carlos Fiel | Agência Comércio
Categorias : Destaques, Notícias